Conheça 4 estratégias de vendas para sua empresa vender mais

 

As empresas compartilham de diversos objetivos e necessidades, sendo as vendas o mais comum entre eles. Diferentes modelos de negócios e também os diversos produtos e serviços demandam adaptações e testes nas estratégias de vendas, buscando os métodos e ferramentas que trazem mais resultados. Existem muitas técnicas estudadas com o objetivo de vender mais, mas tudo deve ser adaptado para a realidade do negócio e do mercado.

Com o apoio da tecnologia, o trabalho dos vendedores, o alinhamento com o marketing e a automatização de processos permitem um maior controle e também aproveitamento das estratégias de vendas – e elas são muitas! A seguir, apresentamos 4 estratégias para você conhecer, avaliar e considerar nas operações comerciais da sua empresa. Confira!

Inside Sales

Conhecida também como “vendas internas” ou “vendas consultivas”, a estratégia de Inside Sales consiste na utilização de ferramentas online voltadas para o trabalho dos vendedores. As vendas internas se concentram dentro da própria empresa, ao contrário do modelo de field sales em que os vendedores saem em visitas para apresentar propostas e fechar as vendas. 

As principais plataformas de Inside Sales utilizam a automação de e-mails e de touch points, os pontos e momentos de contato com seus leads. Essa estratégia de vendas auxilia na prospecção ativa e, geralmente, está aliada a alguma estratégia de marketing que faz a captação destes prospects. As ferramentas, além do disparo de e-mails, também contam com um serviço de VOIP, que permite que as ligações dos vendedores sejam quantificadas e avaliadas.

O grande benefício da estratégia de Inside Sales é a possibilidade de vender mais com um menor gasto e também com mais contatos feitos durante um dia.

Inbound Marketing

Para aumentar suas vendas, seja em quantidade ou no valor do ticket médio, o alinhamento com o marketing é indispensável. Com o Inbound Marketing, ou marketing de atração, sua empresa utilizará o conteúdo e o funil de marketing para conseguir contatos de forma orgânica. As pessoas vão chegar às suas páginas online e, com a qualidade do conteúdo oferecido, realizar uma ação de conversão e assim constar na sua base de leads. A nutrição dos leads é o próximo passo, mensurando aqueles com maior interesse em soluções e que podem ser encaminhados para os vendedores.

Outbound Marketing

Já no Outbound, o foco é na prospecção ativa. O conteúdo até pode ser utilizado, mas o trabalho começa com a definição do ICP (Ideal Customer Profile) e a pesquisa de contatos dentro destes parâmetros. Com a lista destes leads, o vendedor pode utilizar as técnicas que listamos ali em Inside Sales para se apresentar e caminhar para uma prospecção. O Outbound ajuda as empresas a venderem mais principalmente nos negócios B2B, mas para isso é necessário contar com ferramentas que levantam os dados e perfis com segurança e qualidade.

Customer Success

Esta não é exatamente uma estratégia de venda, mas traz resultados positivos dentro da expectativa de vender mais. Garantir o sucesso do cliente, através de um relacionamento próximo e do reconhecimento de valor sobre a solução, estimula a sua base a divulgar sua empresa e, assim, atrair mais clientes.

Nestas 4 estratégias, e em muitas outras, se faz necessário utilizar a chamada prospecção ativa. Principalmente nas vendas complexas e a de serviços, o contato e alinhamento com seus prospects é indispensável. Confira também como fazer uma prospecção de clientes.

RESUMINDO

leia também

outubro 16, 2020

Entenda o que é e como fazer qualificação de leads

  Entenda o que é e como fazer qualificação de leads   Quando uma empresa […]
outubro 14, 2020

Como encontrar e validar leads para prospecção

  Como encontrar e validar leads para prospecção   Faz parte das estratégias de Marketing […]
outubro 12, 2020

O que é Data Driven Marketing?

  O que é Data Driven Marketing?   Já estamos a algumas décadas vendo como […]
outubro 9, 2020

Gestão de riscos: 3 exemplos e como gerenciar na sua empresa

  Gestão de riscos: 3 exemplos e como gerenciar na sua empresa   Em qualquer […]